Cultura

Casos de Minas

Senac
  • Logo Senac Minas
  • Hotel Grogotó
  •  

Os três políticos de Queluz

Na Revolução de Trinta, quando os revolucionários estavam entrando na cidade de Queluz, três políticos do partido contrário ao movimento, receosos de ser presos, saíram em fuga pela estrada dos Barrancos (atual Rua Barão de Suassuí), para se refugiarem em Belo Horizonte.


Depois de muitas horas de caminhada, exaustos, resolveram sentar-se na beira da estrada. Quando se sentiram dispostos, pegaram o caminho novamente, afobados, querendo chegar o mais depressa possível à capital mineira.


Já estava clareando a madrugada quando viram, ao longe, umas luzinhas piscando. Ficaram na maior euforia e entusiasmados apertaram os passos. Só que, daí a pouco, descobriram que tinham chegado à Igreja de Santa Efigênia, na Queluz de onde estavam fugindo.


O que havia acontecido?


Quando se levantaram do descanso no meio do caminho, confundiram a direção e, em vez de continuar o caminho, sem perceberem, retornaram ao lugar de onde queriam se afastar...


Fonte: Almanaque do Comércio 2010 - Conselheiro Lafaiete Sindcomércio

Enviar link