Cultura

Patrimônio Cultural

Senac
  • Logo Senac Minas
  •  
  • Hotel Grogotó

09. Dez mandamentos da preservação do Patrimônio Cultural


Elaborado por Gustavo Werneck



1- Não esconderás o furto:

Em caso de furto de peças, é importante comunicar o fato imediatamente à polícia, para que seja lavrado o Boletim de Ocorrência (BO) e feita a investigação. Jamais deixe o evento passar em branco.



2- Farás um inventário:
O inventário, especialmente fotografias e dados descritivos, é fundamental para que a Igreja tenha todo o seu acervo documentado. Se acontecer o desaparecimento de uma peça, essa poderá ser identificada com mais rapidez.



3- Olharás sempre para cima... E para os lados:
Padres, zeladores e demais funcionários das igrejas e dos museus devem fazer verificação permanente nos altares e nos móveis, cuidando para que nada se extravie. O tempo vale ouro nessas situações.



4- Comunicarás à imprensa:

É fundamental comunicar os furtos e o desaparecimento de peças à imprensa, mandando todos os dados e fotos de boa qualidade. Não deixe o assunto restrito aos jornais locais ou ao silêncio.



5- Dormirás tranquilo, mas sempre atento aos alarmes:

Muita gente costuma desligar os alarmes de igrejas e museus, para não ser incomodada no meio da noite. É que, muitas vezes, os dispositivos são acionados pela simples passagem de pássaros, morcegos, e não de bandidos. Só que, um dia, os ladrões podem entrar...



6- Não revelarás o valor das imagens:
Mesmo que a peça tenha alto valor de mercado, jamais revele o seu preço. Essa informação atiça a cobiça e pode levar a outros assaltos.



7- Mobilizarás as comunidades em caso de furto:
Se houve furto, comunique imediatamente aos conselhos do patrimônio e paroquial, à prefeitura, aos vereadores e às escolas. Todo o mundo precisa saber do fato. Às vezes, a peça pode estar ainda na própria cidade.



8- Não pensarás que a igreja é só sua:

A igreja é um patrimônio que contém objetos de fé, mas também obras de arte. O administrador paroquial deve ter sempre em mente que precisa da colaboração de todos os paroquianos para manter o seu acervo.



9- Não esperarás que a igreja desabe:
Ao menor sinal de deterioração de igrejas, capelas, museus, casas de cultura, etc., acione os órgãos de patrimônio para que vistoriem os prédios. A manutenção da parte elétrica também é preciosa. Informe também aos bombeiros o ocorrido.



10- Compartilharás os seus conhecimentos com a comunidade:

Procure visitar sempre escolas de ensino fundamental e médio, escolas superiores, entidades de classe, associações de moradores e converse sobre a educação patrimonial e a proteção do acervo cultural da cidade.


 

Enviar link

© Maria Lucia Dornas Tiradentes - Acervo Museu do Padre Toledo - Maria Lucia Dornas Acervo Museu do Padre Toledo
© Maria Lucia Dornas São João del-Rei - Det. Nossa Senhora do Carmo - Maria Lucia Dornas Det. Nossa Senhora do Carmo
© Maria Lucia Dornas Nova Lima - Anjo - Aleijadinho - Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas Anjo - Aleijadinho - Matriz N. Sra. do Pilar
© Maria Lucia Dornas Passos - Coroamento do Retábulo Mor - Maria Lucia Dornas Coroamento do Retábulo Mor