Turismo

Estrada Real

Senac
  • Logo Senac Minas
  • Hotel Grogotó
  •  

Dia 11 abril 2000 - (Ex500)

Terça-feira
O dia foi maravilhoso, parece que já estamos na Expedição há dias. Saímos às 8:30 da Pousada Verde em Passa Quatro seguindo para a cidade de Itamonte.


Iniciamos hoje a nossa aventura pelos Caminhos Velhos da Estrada Real. A equipe foi distribuída em duas modalidades ecoturísticas: o cavalo e a bike. Os cavaleiros foram: Tullio, Jorge, Kátia, Murton, Alexandre, Marco Antônio, Nenzinho, Tales e Humberto; e os ciclistas foram: Cesar, Artur, Ted e Antônio Olinto (que nos acompanhou apenas na saída). E, é claro, não podemos nos esquecer da nossa competente equipe de apoio composta pelo Maurinho, André, Eustáquio, Antônio Eustáquio e Zé Mauro.


Nesta primeira cavalgada tudo correu normalmente apesar do sol forte e a da falta de prática de alguns. A paisagem no caminho é deslumbrante, serras e mais serras com muito verde e tranqüilidade. Chegamos a Itamonte aproximadamente às 13 horas. Fomos para o hotel e almoçamos.


No fim da tarde conhecemos Capelinha, um bairro da cidade que tem belíssimas cachoeiras e, o Engenho da Serra, uma localidade que nos impressionou muito e mereceu ser batizado, por alguns, de Suíça Brasileira.


Por volta das 17:00 entramos no ar, na Rádio Inconfidência AM, ao vivo, para todo o Estado, com o nosso primeiro capítulo da 'Novelinha da Expedição', contando com a participação especial do presidente da Associação de Monitores Ambientais - Billy e do prefeito Itamonte.


Nossa intenção é justamente esta, relatar na rádio de segunda a sexta entre 17:00 e 18:00, o depoimento de um expedicionário e uma pessoa da região que serão apresentados sempre pelo Tullio e entrevistados pelo Elias da rádio Inconfidência. Pretendemos que a partir do dia 22 de abril as demais expedições que compões o Projeto dos 500 anos (Juiz de Fora a Ouro Preto - Caminho Novo e Diamantina a Ouro Preto - Caminho do Sertão) participem também desta 'Novelinha da Expedição'. Está é mais uma estratégia que aqui recorremos para conscientizar as populações do potencial deste mercado na Estrada Real.


À noite jantamos no Pesque-Pague do Jason que, a mais de 45 anos é proprietário do local, sendo considerado o primeiro do Estado de Minas. Inclusive, foi onde nossos cavalos pernoitarem.


'No caminho encontrei quatro meninos vindo da escola. Era uma boa caminhada até lá. Distante, distante de tudo. Seu esforço, sem condução ou condição especial me alimentaram uma esperança: O Brasil é possível. Só esperar que as crianças apontarão o caminho.'


Jorge Aguiar


 

Enviar link

© Alexandre C. Mota Itamonte - Caminho para Pouso Alto - Alexandre C. Mota Caminho para Pouso Alto