Turismo

Estrada Real

Senac
  • Logo Senac Minas
  • Hotel Grogotó
  •  

Dicas de Cavalgada

© Haroldo Carneiro Tiradentes - Passeio a Cavalo - Rio das Mortes - Haroldo Carneiro Passeio a Cavalo - Rio das Mortes

A extensão ideal para cavalgada/dia é de aproximadamente 25Km. Minas foi demarcada por tropeiros, que viajavam de 18 a 25 Km por dia. Portanto, sempre haverá um núcleo habitacional para acolher o cavaleiro, dentro dessa distância. Outro fato a se considerar é que o turista não é necessariamente um esportista, e seu preparo não é maior do que a resistência para um passeio com esta extensão média.


O que usar

Calça de montaria ou calça jeans (mais larga). Bota, tênis ou botinha, com perneira para proteger os tornozelos (sempre usar meias). Boné ou chapéu que se prenda bem à cabeça.


Evitar

Bolsas grandes, garrafas de vidro, frutas que amassem, toalhas grandes.


Não Usar

Brincos compridos, acessórios pendurados (tipo colar) e objetos que possam se prender em galhos.


Indicações

Procurar tropar com guias experientes em turismo, pois o conhecimento só de equitação não basta para a condução de grupos, cujo comportamento exige sempre monitoramento especial. O cuidado na condução de seu animal implica em considerá-lo como um ser vivo e não uma máquina, recomendando-se todo o carinho e deixando-se de lado o uso de esporas e outras crueldades do gênero que, assim como a prática constante do galope, devem ser execradas. Caso você tenha seu próprio animal, recomendamos avaliar os pontos de dormida para prever o rancho do animal. No mais, boa viagem!


Escolha bem o seu cavalo:

Para um cavalo ser bom e belo, precisa ter:
- Tres qualidades da mulher: Peito amplo, cadeiras redondas e crinas compridas;
- Tres qualidades do leão: Aspecto, arrojo e furor;
- Tres qualidades do boi: Olhos, ventas e juntas;
- Tres qualidades do carneiro: Olfato, doçura e mansidão;
- Tres qualidades do burro: Força, constância no trabalho e cascos;
- Tres qualidades do cervo: Cabeça, pernas e pelo curto;
- Tres qualidades do lôbo: Pescoço, garganta e ouvido;
- Tres qualidades da raposa: Orelhas, calda e trote;
- Tres qualidades da serpente: Memória, vista e redondez;
- Tres qualidades da lebre (ou do gato): Corrida, passo e destreza;

(Decálogo de autor desconhecido, provávelmente de origem Àrabe)


Texto de Tullio Marques - graduado em Direito, consultor do Projeto de Ecoturismo do SENAC-MG, especializado em Turismo Eqüestre, propietário da Tropa Serrana, cineasta  e coordenador-geral da Expedição Spix & Martius 1999

 

 

Enviar link

© Maria Lucia Dornas Mariana - Cavalo no pasto - Maria Lucia Dornas Cavalo no pasto